Todos os posts de Assis Dutra

Seriedade e respeito naquilo que faz

Caso Ademyston – promotor vai denunciar policiais por crime doloso

O promotor militar, Assuero Stevenson, manifestou sua discordância  do inquérito da Polícia Civil sobre a morte do gerente do Banco do Brasil da cidade de Miguel Alves, Ademyston Rodrigues Alves. No inquérito policial houve o indiciamento dos policiais por crime culposo. O promotor não concorda e denunciou os seis policiais por crime doloso. Com essa decisão, os PMs não serão julgados pela justiça militar, mas pela comum.

ademyston

O promotor disse que depois de analisar todo inquérito policial não tem dúvida de que o crime é doloso, ou seja, quando se tem uma vontade deliberada de cometer o crime ou quando se assume o risco de matar. “Todos tinham a consciência de que no carro vinha um refém. A partir do momento que começaram uma troca de tiros eles assumiram o risco de matar não só os bandidos como o gerente”, explicou o promotor Assuero Stevenson.

Fonte: Cidadeverde.com

Audiência pública discute falta de energia elétrica em Miguel Alves

Nesta sexta-feira, 24, a partir das 9 horas da manhã, a Câmara Municipal de Miguel Alves realiza audiência pública para discutir o problema da falta de energia elétrica elétrica no município, com a presença de representantes da ELETROBRAS Distribuição Piauí. A proposição foi feita pelo vereador Chiquinho Gastão (PTB), na sessão do dia 09 deste mês, sendo aprovada em plenário pelos vereadores presentes.

O vereador argumenta que ultimamente tem faltado energia elétrica com frequência no município, principalmente na região da  São José dos  Monteiros. Na semana santa a região chegou a ficar três dias sem energia elétrica, fato que causou inúmeros prejuízos, principalmente para os comerciantes. Cabe a ELETROBRAS explicar os motivos para tanta falta de energia elétrica e resolver o problema.

Candidatura a prefeito?

Amigos do vereador Divino Vaz afirmam que ele poderá ser candidato a prefeito de Miguel Alves em 2016 pelo PMDB. Divino Vaz falou para amigos mais próximos que está no seu terceiro mandato de vereador e que está disposto a aceitar o desafio, se assim o povo de Miguel Alves quiser. Resta saber se o PMDB de Miguel Alves terá unidade suficiente para dar sustentação a uma candidatura própria, haja vista que o partido hoje é um preposto do PMN, do vice-prefeito Chibança.

Cemitério tomado pelo mato: 
 O Cemitério Público de Miguel Alves parece uma gleba de terra abandonada pelo dono. O mato e a falta de iluminação são dois problemas reclamados pelas pessoas que frequentemente vão ao cemitério acender velas no túmulos dos seus entes queridos.  As pessoas encontram dificuldades para caminhar dentro do cemitério por causa do mato que está cobrindo os túmulos. Isso é feio e muito triste, pois um cemitério é um local onde repousam os restos mortais dos nossos irmãos. E no caso do cemitério de Miguel Alves é bom destacar que nele estão sepultados os avós, pais e tios da atual prefeita. Ela deveria ter mais zelo pelo cemitério e respeito aos mortos. Mas em Miguel Alves a prefeitura tem a mania de só mandar limpar o cemitério de ano em ano, na véspera do Dia de Finados.
Banco fechado:

A agência do Banco do Brasil de Miguel Alves está fechada desde segunda-feira, deixando assim os seus correntistas na mão. O fechamento ainda é consequência do roubo que houve na agência do banco no final de semana próximo passado, em que os ladrões adentraram na agência à noite e levaram computadores e as câmeras fotográficas. Até o momento não se sabe na cidade quando é que a agência vai voltar a funcionar normalmente.

Jovem foge de casa e deixa família apreensiva

A jovem Maria de Lurdes de Sousa Macedo, 22 anos, residente na rua 8, bairro COHEB, Miguel Alves, saiu de casa na sexta-feira, 17, pela manhã, sem dizer para os seus familiares pra onde ia. Passaram-se cinco dias e a jovem não apareceu nem deu notícias, fato que deixou a sua família preocupada. A sua mãe, senhora Maria das Dores de sousa está aflita com o sumiço da sua filha. Os seus irmãos e parentes já procuraram o paradeiro da jovem em Teresina mas até o momento não tiveram nenhuma informação.

De acordo com as informações da irmã, Maria de Lurdes saiu de casa vestindo uma calça jeans e uma blusa róseo, calçando uma sandália preta. A jovem Maria de Lurdes e morena clara.Na foto abaixo ela é a do meio.

IMG-20150422-WA0002

A família pede a quem tiver visto ou quem souber de alguma informação,por favor ligar para os telefones – 9944 7883 e 99891447, falar com Maria dos Remédios ou Deusilene, Caso não consigam falar com os familiares de Maria de Lurdes entrar em contato com o Blog do Assis através do nosso telefone de contato (86 9402 0242) ou deixando mensagem na caixa de comentários.

Além do acidente, professora sofre para conseguir internação em Teresina

Nesta segunda-feria, 20, no programa Bancada Piauí da TV Antena 10, o jornalista Feitosa Costa, em seu destaque do dia, expôs um fato lamentável que aconteceu no final de semana na localidade Angelim, município de Miguel Alves. O jornalista descreveu que a professora Alcioneide Alves B. de Moura, sofreu um acidente de moto numa das estradas da região, no final de semana. A professora sofreu fraturas na coxa. Foi encaminhada para o hospital de Miguel Alves, como o hospital não tem estrutura nenhuma, imediatamente foi transferida para Teresina. mas não conseguiu  vaga em nenhum hospital da capital. A professora ficou então hospedada em uma casa e só nesta segunda-feira, 20, foi que ela conseguiu se internar, graças a ajuda de um ex-prefeito do município. A informação foi dada em primeira mão pelo jornalista Feitosa Costa da TV Antena 10.  Este é o quadro real da saúde pública que temos hoje. Uma lástima!!

O reflexo da insegurança pública:

A agência do Banco do Brasil de Miguel Alves mais uma vez foi alvo dos bandidos. Neste final de semana bandidos entraram na agência e subtraíram computadores e as câmaras de segurança. O estrago só foi percebido quando os bancários chegaram para o expediente normal de segunda-feira, 20. Por conta disso, a gerência suspendeu o atendimento ao público, que deve voltar à normalidade nesta quarta-feira, 22.

As famílias miguel-alvenses estão passando por um momento de aflição em virtude da falta de segurança que reina absoluta no município. Como se não bastasse o infortúnio do barulho das motos e dos carros de som,  agora tem os ladões que estão entrando nas casas enquanto as pessoas dormem e levam até os alimentos que encontram pela frente.

A população de Miguel Alves faz muito tempo que vive sob a mira da bandidagem. Na cidade e na zona rural as pessoas não têm sossego, encontram-se indefesas e desprotegidas pelo estado, a quem compete o dever de garantir a segurança pública da sociedade.

Com a palavra sua excelência o secretário estadual de segurança pública, deputado federal Fábio Abreu, que teve em Miguel Alves uma votação expressiva. O povo espera uma atitude urgente, inclusive com a nomeação de um delegado civil para ficar exclusivamente em Miguel Alves, porque delegado que vai lá só de vez em quando não serve. Que se reforce o policiamento ostensivo e aparelhe melhor o GPM de Miguel Alves. É o que o povo espera do secretário Fábio Abreu.

Por onde andam os representantes do governo no município?

O ex-prefeito Oliveira Junior, que inclusive é suplente de deputado estadual, o vereador Carlúcio que é do partido do governador e outros mais? Cadê vocês que não se mobilizam para cobrar providências urgentes do governo do estado no sentido de solucionar o problema da segurança pública de Miguel Alves?  O povo cala, mas sabe que vocês têm o dever de fazer isso.

Nota de falecimento de Antonio Inácio

Comunicamos a todos amigos e conhecidos que por volta das três horas da manhã desta segunda-feira, 21, faleceu em Miguel Alves o senhor Antonio Ferreira da Silva, de 79 anos de idade, mais conhecido como Antonio Inácio, que residia na rua São José, no centro da cidade. Antonio Inácio era funcionário público aposentado da Secretaria de Educação do Estado. O corpo está sendo velado em sua residência e o sepultamento ocorrerá no final da tarde no cemitério de Miguel Alves.

À esposa, dona Ozita, aos filhos, noras, netos e demais familiares, os nossos sentimentos. Que o Senhor da Vida os conforte neste momento de profunda dor.

 Blog do Assis – assis Dutra e família