Todos os posts de Assis Dutra

Seriedade e respeito naquilo que faz

Parabéns Miguel Alves!

Miguel Alves! Do teu solo amado e fértil, o amor que nos une. A saudade que pune quem se afasta de ti. Quem te curte de longe também de te quer bem, pois tu és altaneira, apesar de tudo.
15020753
1536733_416140441852102_1745580226_n
Quanto mais o tempo passa, nosso orgulho só aumenta. Apesar de saber que muitas coisas ainda te afugentam, retroagindo de certo modo o teu amanhã, postergando o teu direito de sorrir. Mas a culpa não é tua. É do teu povo que escolhe e muitas vezes cria fole piorando a situação. Tu és grande, mesmo ainda pequena na visão de quem detém o poder de zelar por ti.
424693_307600356039445_47664434_n
Só te queres e não te cuidam como deveriam cuidar. Passam o tempo embromando, tramando brigas e algo mais. Politicando nos teus dias de trabalho, enxovalhando o teu orvalho e tu ficando para trás. Muito se fez, algo se faz, mas ainda  é pouco para uma terra que suspira querendo mais.
Edifício-sede da prefeitura de M.Alves de antigamente, foco das disputas políticas de hoje em dia.
Um sentimento sucumbido na intimidade da tua gente, que na alegria ou na tristeza sempre olha para frente, porque apesar dos pesares acredita no teu porvir. Ao contemplar tua beleza entre o rio, riachos, açudes, barragens, morros e babaçuais, vejo nas tuas paragens vastos e ricos sinais.
IMG_3405734084_444647552285276_1438324403_nIMG_3404181028_450794685003896_881857617_n
E lá no alto entre o verde, o Soberano, que te olha em outro plano, com dois braços abertos que te abraçam, que te abençoam, semeando no teu solo a semente da paz. Mês de maio, mês das flores. Ah como eu queria que tu tivesses bem florida. Infelizmente, realmente faltam flores pra mudar os teus odores e ascender a confiança do teu povo, ora combalida.
21173341Não tem problema, mesmo assim, penso você a todo instante. Os teus problemas são matérias que ferem as artérias pensantes. Esqueço tudo nesse momento em que a alegria passeia levemente por tuas ruas e avenidas pisadas por tua gente que, ora alegre, ora triste, vive o teu cotidiano intensamente.1???????????????????????????????
OI3 - Cópia (2)É motivo pra sentir orgulho e o prazer para dizer, apontando o 24 que está lá no calendário.  Mês de maio, mês das mães. E como tu és minha terra-mãe não posso me esquecer.1965521_297243107093254_711752528_o (1)Deixo meus votos de muita prosperidade na esperança de te ver em paz, alegre e feliz. Parabéns terra minha querida, pelos teus 104 nos de vida. Esta é a mensagem do Blog do Assis.
Quem te ama de verdade vive e luta por ti.
AVANTE MIGUEL ALVES!
Assis Dutra
Maio/2016

Pirilândia é campeão da Taça Cidade de Miguel Alves/2016

Na noite do último sábado, dia 21, com o ginásio Chico Noca lotado, o time do Pirilândia mais uma vez conquistou o título de campeão da Taça Cidade de Miguel Alves de Futsal, ao vencer o time do Triplo M pelo placar de 4X2.

A competição fez parte da programação alusiva aos 104 anos de emancipação política de Miguel Alves e foi organizada pela secretaria municipal de esporte e lazer, à frente o desportista Joninha. A prefeita Salete Rego esteve presente e fez a entrega da premiação ao campeão e ao vice.

A comemoração foi intensa da torcida após a entrega da taça de campeão e da premiação. Torcedores e jogadores comemoraram na quadra mais um título conquistado. O time do Pirilândia prova que é o melhor time de futsal de Miguel Alves. Veja as fotos da grande conquista:

13263688_875654775877717_8666216714612668315_n 13244604_875654672544394_2228480814644710260_n13260007_875654752544386_8405735707589039590_n

13226834_875654535877741_453575731431536659_n13237788_875654562544405_9095896737949685373_n

O pôr do sol de minha terra

Em homenagem a Miguel Alves que na próxima terça-feira, dia 24 de maio completa 104 anos, posto hoje um poema de minha autoria que exalta o pôr do sol de nossa amada terra. Este poema eu fiz em 2013.

1150355_228537537297145_1332930282_n

Olhando as verdes matas,

Os riachos de água correntes,

Que alegria no meu peito descerra

Que me faz cada vez mais sorridente

E a dizer efusivamente

Como é lindo o pôr do sol de minha terra!

x

Vivo tua simplicidade.

Ladeada de tanta riqueza.

Que o tempo jamais encerra

Posso afirmar com toda clareza,

Como é lindo o pôr do sol de minha terra!

x

E a noite meio atrevida,

Com o seu vasto manto adormece.

Mesmo assim a imagem refletida

de um olhar que jamais erra!

Como é lindo o pôr do sol de minha terra!

1150157_228543877296511_1696617573_n

Como é lindo o espelho das águas.

entre um manto escuro que vê ao longe

Um balanço cintilante que desagua

nas fogosas correntezas do Velho Monge,

Que até o animal no pasto berra.

Por isso não me canso em dizer:

Como é lindo pôr do sol de minha terra!

Autor: Assis Dutra/25/08/13

Nonato Baca, Luiz Cachimbo e a praça –

g_miguel-alves-pi-praca-jose-rego-fotomiguelalvesrgA história de uma cidade não se faz apenas com relatos referentes àquelas pessoas que galgaram posição de destaque aqui e alhures. Faz-se também com os anônimos, com aqueles que não possuem o poder das letras e as letras do poder,  cujo cadinho é a origem dos simples.

A história pra ser completa e justa tem de ser contada por inteiro, incluindo  todos aqueles que de uma forma ou de outra deixaram lembranças dos seus serviços prestados à cidade. Por isso, falemos de dois miguel-alvenses que merecem ser lembrados neste mês de aniversário de Miguel Alves,  Dois nomes próprios para dupla caipira:  Nonato Baca e Luis Cachimbo. E que dupla!

Dois cidadãos pobres, porém nobres pela presteza que tinham de cuidar da  praça José Rego com tanto zelo e rigor ao ponto de todos os dias varrer e capiná-la  e   espantar com lapadas de chiqueirador os animais e raiar com os meninos travessos ( eu e outros tantos) que ousassem jogar bola, andar de bicicleta  ou pisar nos canteiros da praça, no tempo em que os canteiros eram floridos por bugarins e margaridas. Como diria Tonico e Tinoco,  “tempo bãão!”

Fosse dia ou fosse noite. Fosse inverno ou fosse verão. A qualquer hora os dois, Nonato Baca e Luiz Cachimbo estavam lá de prontidão, fazendo o seu dever,  mantendo a  praça limpa para receber os jovens da época que nela volteavam nas memoráveis noites.

Nonato Baca e Luiz Cachimbo, como bem disse o escritor Frederico Rebelo, ao se referir aos dois, “eles viviam numa simplicidade sem fatos relevantes”.  Mas são dois miguel-alvenses que deixaram rastros de trabalho, embora o tempo tenha se encarregado de  apagá-los.

Os dois já não estão mais entre nós. Todavia, quem viveu essa época com certeza lembra dos dois grandes vigias:  Nonato Baca, Luiz Cachimbo. A nossa lembrança os inclui na história de Miguel Alves e da própria praça José Rego que ainda hoje sente a falta deles. Parafraseando a canção de Nelson Gonçalves naquela praça está faltando eles, mas as lembranças deles não se apagam jamais.

TCE-PI condena ex-prefeito de Miguel Alves a devolver 5,6 milhões aos cofres publicos

A população de Miguel Alves deve estar se perguntando  – será verdade ou será mentira o que está acontecendo com o ex-prefeito Oliveira Junior, que está sendo condenado a devolver aos cofres públicos quantias milionárias resultado de irregularidades nas prestações de contas, irregularidades em licitações e contratos, atraso no envio de documentação.

download

Da nossa parte não se trata de campanha velada no sentido de atingir politicamente o ex-prefeito, mas sim o dever de informar com responsabilidade os fatos que ocorrem e que são relacionados a Miguel Alves. Primeiro mostramos que o TCU condenou o ex-prefeito a devolver 1,9 milhões de reais aos cofres públicos por conta de não prestação de contas de recursos federais destinados ao município. Hoje, sexta-feira, 20, reproduzimos matéria do GP1 que trata da condenação do ex-prefeito Oliveira Junior em decisão da 1ª Câmara do Tribunal de Contas do Estado do Piaui  -TCE-PI. veja a matéria na íntegra:

Ex-prefeito Oliveira Júnior é condenado pelo TCE

As contas de gestão, do ano de 2012, do ex-prefeito Oliveira Júnior foram reprovadas por diversas irregularidades.

JOCIARA LUZ, DO GP1
Atualizada em 19/05/2016 – 21h38

“O ex-prefeito de Miguel Alves, Oliveira Júnior, foi condenado pelo Tribunal de Contas do Estado a devolver mais de R$ 5,6 milhões aos cofres públicos por irregularidades na prestação de contas do município, exercício de 2012.

As contas de gestão, do ano de 2012, do ex-prefeito Oliveira Júnior foram reprovadas por diversas irregularidades, entre elas: atraso no envio de documentos, devolução de cheques, irregularidades em licitações e contratos, dívida com a Agespisa, entre outras.

Diante das irregularidades, a Primeira Câmara do Tribunal de Contas condenou Oliveira Júnior a devolver R$ 5.633.461,06 (cinco milhões, seiscentos e trinta e três mil, quatrocentos e sessenta e um reais e seis centavos), em decorrência do não envio da prestação de contas relativo ao período de 01/12/2012 a 31/12/2012. Também condenou o ex-prefeito a pagar multa no valor de R$ 4.485,00 (quatro mil quatrocentos e oitenta e cinco reais).

Além do relator do processo desembargador Delano Carneiro da Cunha Câmara, também estiveram presentes os desembargadores Kléber Dantas Eulálio, Olavo Rebêlo de Carvalho Filho e Jaylson Fabianh Lopes Campelo e o representante do Ministério Público de Contas procurador Plínio Valente Ramos Neto.

A decisão, que aconteceu de forma unânime, é do dia 26 de janeiro deste ano e foi publicada no Diário Oficial do Tribunal de Contas do Estado nesta quarta-feira (18).

Outro lado

O ex-prefeito Oliveira Júnior não foi localizado para comentar o caso. “